sexta-feira, 29 de maio de 2015

Motivos pelos quais falar um idioma estrangeiro é benéfico para a vida profissional

Por: Universia


Você provavelmente já percebeu que o mercado de trabalho exige, cada vez mais, que o candidato que está à procura de vagas tenha conhecimento sobre outros idiomas. Por isso, é essencial que você trabalhe para aprimorar sua proficiência em pelo menos uma língua estrangeira.

Confira motivos pelos quais falar um idioma estrangeiro é benéfico para a vida profissional:

1. Salários mais altos
Pessoas que tem conhecimento sobre mais de um idioma normalmente têm salários mais altos, já que as chances de desenvolvimento que essa habilidade oferece são maiores.

2. Desenvolvimento
 A maioria das pessoas nos setores hierárquicos mais altos de empresas possui, no mínimo, um segundo idioma. Isso mostra que as chances de desenvolvimento em um emprego ampliam quando o funcionário fala uma língua estrangeira.

3. Liderança
 Para ser um líder em uma empresa, ter habilidades de comunicação é essencial. Principalmente quando é necessário entrar em contato com pessoas de outros países, tarefa que exige o conhecimento de outras línguas.

4. Destaque
 Uma pessoa que possui conhecimento sobre outros idiomas ganha destaque porque a maioria das vagas disponíveis atualmente busca por candidatos que tenham conhecimento em pelo menos uma língua estrangeira.

quarta-feira, 27 de maio de 2015

Conheça a importância da soneca no seu cotidiano

Fonte: Universia

Provavelmente, você já sentiu sono logo depois do almoço: surge a preguiça e o trabalho não rende tanto. Por mais que você tome diversos copos de café ou energético, a melhor forma para resolver essa questão é simplesmente tirando uma soneca.

Dormir por 10 a 30 minutos durante o seu expediente é mais benéfico do que você imagina. Além da questão óbvia de diminuir o seu cansaço, dormir esses poucos minutos, entre as 13h e 16h, pode aumentar a sua criatividade, melhorar a sua memória e te deixar com um ótimo humor.

Além disso, uma soneca de apenas 15 minutos pode retomar a sua atenção perdida e desenvolver a nossa capacidade de aprender. Se você possui um treinamento logo após o horário de almoço, dormir por 15 minutos pode melhorar muito a sua concentração e você irá reter as informações mais facilmente.

Se você é um cético e ainda acredita que a melhor maneira para se sentir desperto e atento é bebendo café, saiba que uma pesquisa de 2008 da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, provou que a ingestão de grandes volumes de cafeína prejudica a sua capacidade de articular frases e pensamentos quando você se sente muito cansado.

Portanto, comece a almoçar mais rapidamente e aproveite o seu horário de almoço para dormir alguns minutos antes de voltar para a sua mesa. Aos poucos, você se sentirá muito mais disposto e os resultados positivos.

segunda-feira, 25 de maio de 2015

Aprenda a fazer uma resenha de livro

Por: Universia

Escrever uma resenha é uma ótima forma de comprovar que os alunos realmente leram e entenderam os pontos principais de um determinado livro e, por isso, estas são comumente pedidas pelos professores. Se você não tem certeza de como estruturar o texto de forma a deixar suas ideias claras, não se desespere!

O primeiro passo é ler o livro com muita atenção. Para resenhá-lo, você deverá conhecer os personagens e entender todo o contexto da época em que ele foi escrito e o que o autor pretendia ao publicá-lo. Por exemplo: é muito difícil escrever uma resenha de uma obra como Os Miseráveis, de Victor Hugo, sem entender os costumes da França do século XIX, entre a batalha de Waterloo e as barricadas de Paris.

Ao término da leitura, você deverá organizar os seus próprios pensamentos. A opinião do autor ficou clara para você? Além disso, é necessário refletir sobre como a obra reflete nos dias atuais, ou seja, como o que foi escrito em anos passados está presente na sociedade de hoje. Esse pode ser um dos seus pilares para escrever a resenha.

Agora é hora de começar a escrever a sua resenha. É importante ter em mente que uma resenha deve descrever o livro e apontar aspectos importantes sobre ele. Personagens marcantes e relevantes para a história devem ser citados, sendo que uma boa dica para apresentá-los é descrevendo suas impressões sobre a personalidade deles e por que a história seria completamente diferente na ausência dos mesmos.

A resenha também dá a chance de você expressar suas opiniões, como a fluência do texto, a presença ou não de humor ou até mesmo a velocidade na qual as coisas acontecem. Porém, lembre-se de que uma resenha didática deve priorizar o conteúdo da aula para a qual ela foi proposta. Se você está escrevendo para o professor de literatura, insira a obra no movimento literário na qual o livro foi escrito. Se for para o professor de história, prefira o contexto social da época.

sexta-feira, 22 de maio de 2015

3 regras para conseguir o emprego dos seus sonhos

Por: Universia

Muito se fala sobre conquistar o emprego dos sonhos, porém é preciso saber que esse conceito faz com que você eleve suas expectativas quanto a uma determinada vaga ou opção de carreira. Por esse motivo, é importante conhecer as 3 regras para conseguir o emprego dos sonhos e decidir se isso é mesmo o ideal para você. Confira:

Regra n° 1: não confie apenas na sua educação superior

Você pode ter um diploma de graduação, mas nem sempre o emprego ideal para você é aquele convencional. Por exemplo, você pode ter se formado em Jornalismo, mas ser um profissional melhor como social media do que repórter. Considere suas opções.


Regra n° 2: conheça os desafios do mercado de trabalho
O mercado de trabalho está cada vez mais competitivo e limitado quanto ao número de vagas abertas. Conhecer esses desafios é importante para que você tenha consciência de que nem sempre vai acabar no emprego dos seus sonhos.

Regra n° 3: desenvolva cada vez mais habilidades

Você não é o único candidato tentando conquistar o emprego dos sonhos, por isso é importante desenvolver cada vez mais habilidades para se destacar nos processos seletivos. Faça cursos online, cursos de extensão e tudo o que for possível para impulsionar o seu currículo.

quarta-feira, 20 de maio de 2015

Veja quais são os prós e contras da graduação

Por: Universia 

Se você ainda está dividido entre cursar ou não uma universidade, saiba que você não é o único. Essa é uma decisão difícil e existem muitos estudantes que afirmam sentirem-se ansiosos quando o assunto é a graduação. Por isso, veja quais são os prós e contras da graduação e facilite a sua escolha:

Prós

• Foco: você estará focado na sua escolha de carreira, ou seja, o que você gosta. Isso significa que a faculdade por si só vai incentivar você a estudar e profissionalizar-se em algo que o atrai.

• Você terá um diferencial: um curso de graduação no currículo coloca você à frente de outros candidatos para a mesma vaga de emprego.

• Você vai expandir o seu network: você conhecerá muitas pessoas na faculdade, não apenas os seus colegas de classe, mas também os professores e outros funcionários que podem garantir oportunidades de emprego no futuro.

Contras

• Muitas faculdades são caras: isso significa que você provavelmente terá que trabalhar e estudar ao mesmo tempo, ou até mesmo gastar dinheiro que foi guardado por muito tempo.

• Você terá que fazer sacrifícios: a vida universitária é diferente da vida na escola. Você terá que trocar alguns fins de semana com seus amigos para se dedicar aos trabalhos e até mesmo passar algumas noites acordado.


segunda-feira, 18 de maio de 2015

Veja como o fracasso pode ajudá-lo a melhorar

Fonte: Universia

Desde crianças, somos levados a acreditar que o fracasso é negativo e que devemos evitá-lo. Claro que obter o sucesso é bom, mas fracassar também pode ensinar coisas positivas para as nossas vidas profissionais e pessoais.

Fracassos nos ensinam a sermos mais persistentes. Quase todos os grandes gênios e empresários, antes de atingirem o sucesso, fracassaram várias vezes. Eles tiveram que errar muito antes de encontrar o caminho certo e tomá-lo. Por isso, veja os erros como uma chance de tentar de novo.

Com os fracassos, nós também conseguimos aumentar a nossa empatia. Ao fracassar, conseguimos nos colocar na posição dos outros quando eles também estiverem em uma situação difícil. Além disso, obter resultados ruins nos ensina a sermos humildes: qualquer pessoa pode cometer erros e não alcançar sucesso, inclusive você. A empatia e a humildade, juntas, são duas características importantes para profissionais e também para a vida profissional.

O fracasso também é um grande catalisador para a criatividade. Para não cometer o mesmo erro de novo é necessário criar rotas alternativas e tentar novamente. Sem ser criativo, essa tarefa se torna ainda mais difícil. Por isso, fracassar pode desenvolver a sua criatividade e capacidade de inovar.

Por fim, obter resultados ruins nos deixa flexíveis. Ao errar, percebemos que não devemos sempre nos ater às mesmas regras e moldes. Muitas vezes, para um plano dar certo, é necessário somente se adaptar às circunstâncias. Tendo isso em mente, as chances de voltar a fracassar se tornam menores.

Viu quantas coisas boas podemos aprender com o fracasso? Portanto, da próxima vez que fracassar, não fique se sentindo triste. Aproveite o momento para aprender com ele e trazer benefícios para a sua vida pessoal e profissional.